Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina contrata estudo para a metodologia de cálculo do PIB do turismo

Santa Catarina terá agora dados mais precisos sobre o peso do turismo na economia do Estado. Resultado de uma parceria entre Santur e a Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), um trabalho que teve início em setembro por meio de professores e estudantes do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag) contou com consultorias e treinamentos aos servidores da Santur.

Por meio de um convênio entre as duas instituições, o projeto teve como objetivo desenvolver metodologia de cálculo do valor adicionado das atividades características do turismo em Santa Catarina. O valor adicionado é um indicador de geração de riqueza, que permite estimar a variação do Produto Interno Bruto (PIB) do setor.

Ao longo de novembro e dezembro, oito servidores da Santur participaram de um curso com o professor Fernando Pozzobon, da Udesc Esag. O treinamento serviu para que eles possam replicar a metodologia desenvolvida e calcular anualmente o PIB do turismo catarinense, com os dados mais precisos disponíveis.

Cálculo

O estudo atendeu a uma necessidade antiga, já que desde 2009 o PIB do turismo era estimado por percentual fixo sobre o PIB total de Santa Catarina. A pesquisa produziu também um relatório final detalhando a metodologia e as fontes de dados mais apropriadas para a realização do cálculo pela Santur.

O projeto “Metodologia e Cálculo do Valor Adicionado do Turismo de Santa Catarina” foi desenvolvido pelos professores Adriano do Amarante e Fernando Pozzobon, com participação da estudante de economia Caroline Luéli, ativamente envolvida em todas as etapas, e a colaboração de servidores da Santur.

 

Fonte: SANTUR

Notícias Relacionadas