Frio extremo, em Garopaba, gera preocupação em apoio a moradores de rua.

Onda de frio no estado, leva à Secretaria Municipal de Assistência Social de Garopaba à distribuição de cobertores, mantas e roupas de frio para pessoas em condições de vulnerabilidade e situação de rua, além da criação de um alojamento provisório para atendê-las.
Apesar de registrar em alguns períodos do ano a presença de moradores flutuantes, que ficam na cidade por um curto período, Garopaba não tem esse tipo de demanda permanente em seus registros.
Portanto, uma ação da municipalidade de enfrentamento às baixas temperaturas continua no período noturno, com a utilização do abrigo para acolher essas pessoas.
A ação envolve equipes de abordagem da Secretaria de Assistência Social, na utilização do espaço Multiuso do Município para assistência aos moradores, que se encontram na praça Gov. Ivo Silveira, e no entorno do Banco do Brasil, para pernoitarem em um local estruturado com camas, roupas de cama apropriadas e alimentação.
Segunda a Secretária Saionara Santos, desde a primeira onda de frio as equipes da secretaria vêm em constante preocupação com os moradores de rua e com as famílias que enfrentam dificuldades com o frio intenso, principalmente em atenção às casas que não possuem um isolamento térmico adequado. Então, foram realizadas campanhas para ajudar essas famílias.
Apesar dos esforços nessa ação de emergência, a Secretaria informa que ainda existe uma resistência por parte de alguns moradores nessa condição em dirigir-se ao abrigo criado pelo Município.
Fechar Menu